MEDITAÇÃO – MENSAGENS – ANO BÍBLICO

– Meditação Matinal de EGW (Português).:

Segurança Eterna

“O Senhor será Rei sobre toda a Terra; naquele dia um só será o Senhor, e um só será o Seu nome”. Zac. 14:9.
O grande plano da redenção tem como resultado trazer de novo o mundo ao favor de Deus, de uma maneira completa. Tudo que se perdera pelo pecado é restaurado. Não somente o homem é redimido, mas também a Terra, a fim de ser a eterna habitação dos obedientes. Durante seis mil anos Satanás tem lutado para manter posse da Terra. Agora se cumpre o propósito original de Deus ao criá-la. “Os santos do Altíssimo receberão o reino, e possuirão a reino para todo o sempre, e de eternidade em eternidade”. Dan. 7:13.
“Desde o nascimento do Sol até ao ocaso, seja louvado o nome do Senhor”. Sal. 113:3. “Naquele dia um será a Senhor, e um será o Seu nome”. “E o Senhor será Rei sobre toda a Terra”. Zac. 14:9. … São “fiéis todos os Seus mandamentos. Permanecem firmes para todo o sempre”. Sal. 111:7 e 8. Os santos estatutos que Satanás odiara e procurara destruir, serão honrados por todo um Universo sem pecados. – PP, 353 e 354. 1
Por meio da obra redentora de Cristo, a governo de Deus fica justificado. O Onipotente é dado a conhecer como o Deus de amor. As acusações de Satanás são refutadas, e revelado seu caráter. A rebelião não se levantará segunda vez. Jamais poderá entrar o pecado no Universo. Todos estarão por todos os séculos garantidos contra a apostasia. Mediante o sacrifício feito pelo amor, os habitantes da Terra e do Céu se acham ligados a seu Criador por laços de indissolúvel união. …
Onde abundou o pecado, superabundou a graça de Deus. A Terra, o próprio campo que Satanás reclama como seu, não tem de ser apenas redimido, mas exaltado. Nosso pequenino mundo, sob a maldição do pecado a única mancha escura de Sua gloriosa criação, será honrado acima de todos os outros mundos do Universo de Deus. Aqui, onde o Filho de Deus habitou na humanidade; onde o Rei da Glória viveu e sofreu e morreu – aqui, quando Ele houver feito novas todas as coisas, será o tabernáculo de Deus com os homens, “com eles habitará, e eles serão o Seu povo, e o mesmo Deus estará com eles, e será o seu Deus”. E através dos séculos infindos, enquanto os remidos andam na luz do Senhor, hão de louvá-Lo por Seu inefável Dom – EMANUEL, “DEUS CONOSCO”. – DN, 18.
Ano Bíblico – Repassar o Novo Testamento. – Juvenis: Apoc. 21.

Fonte: http://www.ellenwhitebooks.com/?l=100&p=370

– Meditação Matinal de EGW (Espanhol).:

SEGURIDAD ETERNA

Jehová será rey sobre toda la tierra. En aquel día Jehová será uno, y uno su nombre. (Zac. 14: 9).
El gran plan de la redención dará por resultado el completo restablecimiento del favor de Dios para el mundo. Será restaurado todo lo que se perdió a causa del pecado. No sólo el hombre, sino también la tierra será redimida, para que sea la morada eterna de los obedientes. Durante seis mil años, Satanás luchó por mantener la posesión de la tierra. Pero se cumplirá el propósito original de Dios al crearla. “Tomarán el reino los santos del Altísimo, y poseerán el reino hasta el siglo, eternamente y para siempre” (Dan. 7: 18).
“Desde nacimiento del sol hasta donde se pone, sea alabado el nombre de Jehová” (Sal. 113: 3). . . Los sagrados estatutos que Satanás ha odiado y ha tratado de destruir, serán honrados en todo el universo inmaculado.*
Por medio de la obra redentora de Cristo, el gobierno de Dios queda justificado. El Omnipotente es dado a conocer como el Dios de amor. Las acusaciones de Satanás quedan refutadas y su carácter desenmascarado. La rebelión no podrá nunca volverse a levantar. El pecado no podrá nunca volver a entrar en el universo. A través de las edades eternas, todos estarán seguros contra la apostasía. Por el sacrificio abnegado del amor, los habitantes de la tierra y del cielo quedarán ligados a su Creador con vínculos de unión indisoluble. . .
Donde el pecado abundó, sobreabundó la gracia de Dios. La tierra misma, el campo que Satanás reclama como suyo, ha de quedar no sólo redimida, sino exaltada. Nuestro pequeño mundo, que es bajo la maldición del pecado la única mancha oscura de su gloriosa creación, será honrado por encima de todos los demás mundos en el universo de Dios. Aquí, donde el Hijo de Dios habitó en forma humana; donde el Rey de gloria vivió, sufrió y murió; aquí, cuando renueve todas las cosas, estará el tabernáculo de Dios con los hombres, “morará con ellos; y ellos serán su pueblo, y Dios mismo estará con ellos como su Dios” (Apoc. 21: 3). Y a través de las edades sin fin, mientras los redimidos anden en la luz del Señor, lo alabarán por su Don inefable: Emmanuel: “Dios con nosotros”.*

Fonte: http://www.ellenwhitebooks.com/?l=101&p=370

– Meditação Matinal de EGW (Inglês).:

December 30 – Eternal Security

The Lord shall be king over all the earth: in that day shall there be one Lord, and his name one. Zech. 14:9.
The great plan of redemption results in fully bringing back the world into God”s favour. All that was lost by sin is restored. Not only man but the earth is redeemed, to be the eternal abode of the obedient. For six thousand years Satan has struggled to maintain possession of the earth. Now God”s original purpose in its creation is accomplished. “The saints of the most High shall take the kingdom, and possess the kingdom for ever, even for ever and ever” (Dan. 7:18). {Mar 372.1}
“From the rising of the sun unto the going down of the same the Lord”s name is to be praised” (Ps. 113:3). “In that day shall there be one Lord, and his name one.” “And the Lord shall be king over all the earth” (Zech. 14:9). . . . “All His commandments are sure. They stand fast for ever and ever” (Ps. 111:7, 8). The sacred statutes which Satan has hated and sought to destroy, will be honoured throughout a sinless universe. {Mar 372.2}
Through Christ”s redeeming work the government of God stands justified. The Omnipotent One is made known as the God of love. Satan”s charges are refuted, and his character unveiled. Rebellion can never again arise. Sin can never again enter the universe. Through eternal ages all are secure from apostasy. By love”s self-sacrifice, the inhabitants of earth and heaven are bound to their Creator in bonds of indissoluble union. . . . {Mar 372.3}
In the place where sin abounded, God”s grace much more abounds. The earth itself, the very field that Satan claims as his, is to be not only ransomed but exalted. Our little world, under the curse of sin the one dark blot in His glorious creation, will be honoured above all other worlds in the universe of God. Here, where the Son of God tabernacled in humanity; where the King of glory lived and suffered and died–here, when He shall make all things new, the tabernacle of God shall be with men, “and he will dwell with them, and they shall be his people, and God himself shall be with them, and be their God.” And through endless ages as the redeemed walk in the light of the Lord, they will praise Him for His unspeakable Gift– Immanuel, “God with us.” {Mar 372.4}

Fonte: http://www.ellenwhitebooks.com/?l=129&p=370

Na graça de nosso Senhor Jesus,

Daniel Gavin
Diretor Geral – Ellen White Books
http://www.ellenwhite.com.br/
http://www.ellenwhitebooks.com/
http://www.ellenwhite.es/
http://www.ellenwhitebooks.es/

– Mensagens para Evangelistas.:

Os ministros de Cristo são os guardas espirituais do povo confiado ao seu cuidado. Sua obra tem sido comparada a dos vigias. Nos tempos antigos colocavam-se muitas vezes sentinelas nos muros das cidades, onde, de posições vantajosas, podiam observar importantes pontos a ser guardados, e dar aviso da aproximação do inimigo. De sua fidelidade dependia a segurança de todos os que se achavam dentro dessas cidades. A determinados intervalos cumpria-lhes chamarem-se uns aos outros, a fim de se certificarem de que todos estavam despertos, e de que nenhum mal sucedera a qualquer deles. O grito de animação ou de advertência era passado de um para outro, todos repetindo o chamado até que este houvesse rodeado a cidade. Obreiros Evangélicos, pág. 14.

Fonte: http://www.ellenwhitebooks.com/?l=49&p=14

– Mensagens para Jovens.:

Graves responsabilidades repousam sobre a juventude. Deus espera muito dos jovens que vivem nesta geração de grande luz e conhecimento. Espera que comuniquem essa luz e conhecimento. Deseja usá-los para dissipar o erro e a superstição que obscurecem o espírito de muitos. Devem disciplinar-se, reunindo todo jota e til de conhecimento e experiência. Deus os considera responsáveis pelas oportunidades e privilégios a eles concedidos. A obra à sua frente espera seus fervorosos esforços, para ser levada avante progressivamente, como o tempo o requeira. Mensagens aos Jovens, pág. 41.

Fonte: http://www.ellenwhitebooks.com/?l=6&p=41

– Mensagens para Namorados.:

Não te apresses. Não se devem encorajar os casamentos precoces. Se um jovem ou uma jovem não tem respeito pelos direitos de Deus, se não toma em consideração a exigência da religião quanto a ele, haverá perigo de que também não tome na devida consideração os reclamos do esposo ou da esposa. O hábito de estar freqüentemente na companhia da pessoa eleita, e isto mesmo com sacrifício dos privilégios religiosos e das horas de oração, é perigoso; não poderás suportar esta perda. Mensagens aos Jovens, pág. 438.

Fonte: http://www.ellenwhitebooks.com/?l=6&p=438

– Mensagens para Pais.:

Há perigo de tanto os pais como os professores comandarem e ditarem demasiadamente, ao passo que deixam de se pôr suficientemente em relações sociais com os filhos e alunos. Mantêm-se com freqüência muito reservados, e exercem sua autoridade de maneira fria, destituída de simpatia, que não pode atrair o coração das crianças. Caso as reunissem bem junto de si, e lhes mostrassem que as amam, e manifestassem interesse em todos os seus esforços, e mesmo em suas brincadeiras, tornando-se por vezes mesmo uma criança entre elas, dariam a eles muita satisfação e lhes ganhariam o amor e a confiança. E mais depressa as crianças respeitariam e amariam a autoridade dos pais e professores. Conselhos aos Pais, Professores e Estudantes, págs. 76 e 77.

Fonte: http://www.ellenwhitebooks.com/?l=37&p=76

– Mensagens sobre Escola Sabatina.:

Os diretores e obreiros de nossas Escolas Sabatinas têm vasto e importantíssimo campo a ser cultivado. Precisam ser batizados com o Santo Espírito de Deus, para que sua mente seja impressionada a usar os melhores métodos e seguir os melhores planos, a fim de terem perfeito êxito em seu trabalho. O Senhor cooperará com seus esforços, pois a juventude foi resgatada com o sangue do unigênito Filho de Deus. O Senhor amou esses jovens, permitindo que Jesus morresse “para que todo aquele que nEle crê não pereça, mas tenha a vida eterna”. João 3:16. Conselhos Sobre a Escola Sabatina, pág. 12.

Fonte: http://www.ellenwhitebooks.com/?l=15&p=12

– Mensagens sobre Saúde.:

O estômago, quando nos deitamos para dormir, deve ter terminado todo o seu trabalho, para fruir o descanso, assim como as outras partes do corpo. O trabalho da digestão não deve prosseguir em tempo algum das horas do sono. Depois de sobrecarregado, e após ter efetuado sua tarefa, o estômago fica exausto, o que motiva a sensação de esvaimento. Então muitos se enganam, julgando que seja a falta de alimento que produza essa sensação, e sem darem ao estômago tempo para descansar, tomam mais alimento, o qual no momento remove a debilidade. E quanto mais se condescender com o apetite, tanto mais clamará ele por satisfação. Esse desfalecimento é geralmente resultado do comer carne, e comê-la freqüentemente e em demasia. O estômago torna-se cansado por ser mantido constantemente em atividade, cuidando de alimento nem sempre o mais saudável. Sem tempo para repousar, os órgãos digestivos enfraquecem-se, de onde a sensação do esvaimento, e desejo de comer freqüentemente. O remédio de qu
e precisam esses, é comer menos freqüentemente e em menor abundância, satisfazendo-se com alimento simples e natural, comendo duas vezes, ou, no máximo, três vezes ao dia. O estômago precisa de períodos regulares de trabalho e repouso; e por isso é uma das mais nocivas violações das leis da saúde o comer irregularmente e entre as refeições. Com hábitos regulares e alimento apropriado, o estômago gradualmente se recuperará. How to Live, págs. 55-57 e Conselhos Sobre o Regime Alimentar, pág. 175.

Fonte: http://www.ellenwhitebooks.com/?l=17&p=175

Na graça de nosso Senhor Jesus,

Daniel Gavin
Diretor Geral – Ellen White Books
http://www.ellenwhite.com.br/
http://www.ellenwhitebooks.com/
http://www.ellenwhite.es/
http://www.ellenwhitebooks.es/

– Ano Bíblico (Português).:

Livro de Mateus

Capítulo 1

1 – Livro da genealogia de Jesus Cristo, filho de Davi, filho de Abraão.
2 – A Abraão nasceu Isaque; a Isaque nasceu Jacó; a Jacó nasceram Judá e seus irmãos;
3 – a Judá nasceram, de Tamar, Farés e Zará; a Farés nasceu Esrom; a Esrom nasceu Arão;
4 – a Arão nasceu Aminadabe; a Aminadabe nasceu Nasom; a Nasom nasceu Salmom;
5 – a Salmom nasceu, de Raabe, Booz; a Booz nasceu, de Rute, Obede; a Obede nasceu Jessé;
6 – e a Jessé nasceu o rei Davi. A Davi nasceu Salomão da que fora mulher de Urias;
7 – a Salomão nasceu Roboão; a Roboão nasceu Abias; a nasceu Abias nasceu Asafe;
8 – a Asafe nasceu Josafá; a Josafá nasceu Jorão; a Jorão Ozias;
9 – a Ozias nasceu Joatão; a Joatão nasceu Acaz; a Acaz nasceu Ezequias;
10 – a Ezequias nasceu Manassés; a Manassés nasceu Amom; a Amom nasceu Josias;
11 – a Josias nasceram Jeconias e seus irmãos, no tempo da deportação para Babilônia.
12 – Depois da deportação para Babilônia nasceu a Jeconias, Salatiel; a Salatiel nasceu Zorobabel;
13 – a Zorobabel nasceu Abiúde; a Abiúde nasceu Eliaquim; a Eliaquim nasceu Azor;
14 – a Azor nasceu Sadoque; a Sadoque nasceu Aquim; a Aquim nasceu Eliúde;
15 – a Eliúde nasceu Eleazar; a Eleazar nasceu Matã; a Matã nasceu Jacó;
16 – e a Jacó nasceu José, marido de Maria, da qual nasceu JESUS, que se chama Cristo.
17 – De sorte que todas as gerações, desde Abraão até Davi, são catorze gerações; e desde Davi até a deportação para Babilônia, catorze gerações; e desde a deportação para Babilônia até o Cristo, catorze gerações.
18 – Ora, o nascimento de Jesus Cristo foi assim: Estando Maria, sua mãe, desposada com José, antes de se ajuntarem, ela se achou ter concebido do Espírito Santo.
19 – E como José, seu esposo, era justo, e não a queria infamar, intentou deixá-la secretamente.
20 – E, projetando ele isso, eis que em sonho lhe apareceu um anjo do Senhor, dizendo: José, filho de Davi, não temas receber a Maria, tua mulher, pois o que nela se gerou é do Espírito Santo;
21 – ela dará à luz um filho, a quem chamarás JESUS; porque ele salvará o seu povo dos seus pecados.
22 – Ora, tudo isso aconteceu para que se cumprisse o que fora dito da parte do Senhor pelo profeta:
23 – Eis que a virgem conceberá e dará à luz um filho, o qual será chamado EMANUEL, que traduzido é: Deus conosco.
24 – E José, tendo despertado do sono, fez como o anjo do Senhor lhe ordenara, e recebeu sua mulher;
25 – e não a conheceu enquanto ela não deu à luz um filho; e pôs-lhe o nome de JESUS.

Capítulo 2

1 – Tendo, pois, nascido Jesus em Belém da Judéia, no tempo do rei Herodes, eis que vieram do oriente a Jerusalém uns magos que perguntavam:
2 – Onde está aquele que é nascido rei dos judeus? pois do oriente vimos a sua estrela e viemos adorá-lo.
3 – O rei Herodes, ouvindo isso, perturbou-se, e com ele toda a Jerusalém;
4 – e, reunindo todos os principais sacerdotes e os escribas do povo, perguntava-lhes onde havia de nascer o Cristo.
5 – Responderam-lhe eles: Em Belém da Judéia; pois assim está escrito pelo profeta:
6 – E tu, Belém, terra de Judá, de modo nenhum és a menor entre as principais cidades de Judá; porque de ti sairá o Guia que há de apascentar o meu povo de Israel.
7 – Então Herodes chamou secretamente os magos, e deles inquiriu com precisão acerca do tempo em que a estrela aparecera;
8 – e enviando-os a Belém, disse-lhes: Ide, e perguntai diligentemente pelo menino; e, quando o achardes, participai-mo, para que também eu vá e o adore.
9 – Tendo eles, pois, ouvido o rei, partiram; e eis que a estrela que tinham visto quando no oriente ia adiante deles, até que, chegando, se deteve sobre o lugar onde estava o menino.
10 – Ao verem eles a estrela, regozijaram-se com grande alegria.
11 – E entrando na casa, viram o menino com Maria sua mãe e, prostrando-se, o adoraram; e abrindo os seus tesouros, ofertaram-lhe dádivas: ouro incenso e mirra.
12 – Ora, sendo por divina revelação avisados em sonhos para não voltarem a Herodes, regressaram à sua terra por outro caminho.
13 – E, havendo eles se retirado, eis que um anjo do Senhor apareceu a José em sonho, dizendo: Levanta-te, toma o menino e sua mãe, foge para o Egito, e ali fica até que eu te fale; porque Herodes há de procurar o menino para o matar.
14 – Levantou-se, pois, tomou de noite o menino e sua mãe, e partiu para o Egito.
15 – e lá ficou até a morte de Herodes, para que se cumprisse o que fora dito da parte do Senhor pelo profeta: Do Egito chamei o meu Filho.
16 – Então Herodes, vendo que fora iludido pelos magos, irou-se grandemente e mandou matar todos os meninos de dois anos para baixo que havia em Belém, e em todos os seus arredores, segundo o tempo que com precisão inquirira dos magos.
17 – Cumpriu-se então o que fora dito pelo profeta Jeremias:
18 – Em Ramá se ouviu uma voz, lamentação e grande pranto: Raquel chorando os seus filhos, e não querendo ser consolada, porque eles já não existem.
19 – Mas tendo morrido Herodes, eis que um anjo do Senhor apareceu em sonho a José no Egito,
20 – dizendo: Levanta-te, toma o menino e sua mãe e vai para a terra de Israel; porque já morreram os que procuravam a morte do menino.
21 – Então ele se levantou, tomou o menino e sua mãe e foi para a terra de Israel.
22 – Ouvindo, porém, que Arquelau reinava na Judéia em lugar de seu pai Herodes, temeu ir para lá; mas avisado em sonho por divina revelação, retirou-se para as regiões da Galiléia,
23 – e foi habitar numa cidade chamada Nazaré; para que se cumprisse o que fora dito pelos profetas: Ele será chamado nazareno.

Capítulo 3

1 – Naqueles dias apareceu João, o Batista, pregando no deserto da Judéia,
2 – dizendo: Arrependei-vos, porque é chegado o reino dos céus.
3 – Porque este é o anunciado pelo profeta Isaías, que diz: Voz do que clama no deserto; Preparai o caminho do Senhor, endireitai as suas veredas.
4 – Ora, João usava uma veste de pelos de camelo, e um cinto de couro em torno de seus lombos; e alimentava-se de gafanhotos e mel silvestre.
5 – Então iam ter com ele os de Jerusalém, de toda a Judéia, e de toda a circunvizinhança do Jordão,
6 – e eram por ele batizados no rio Jordão, confessando os seus pecados.
7 – Mas, vendo ele muitos dos fariseus e dos saduceus que vinham ao seu batismo, disse-lhes: Raça de víboras, quem vos ensinou a fugir da ira vindoura?
8 – Produzi, pois, frutos dignos de arrependimento,
9 – e não queirais dizer dentro de vós mesmos: Temos por pai a Abraão; porque eu vos digo que mesmo destas pedras Deus pode suscitar filhos a Abraão.
10 – E já está posto o machado á raiz das árvores; toda árvore, pois que não produz bom fruto, é cortada e lançada no fogo.
11 – Eu, na verdade, vos batizo em água, na base do arrependimento; mas aquele que vem após mim é mais poderoso do que eu, que nem sou digno de levar-lhe as alparcas; ele vos batizará no Espírito Santo, e em fogo.
12 – A sua pá ele tem na mão, e limpará bem a sua eira; recolherá o seu trigo ao celeiro, mas queimará a palha em fogo inextinguível.
13 – Então veio Jesus da Galiléia ter com João, junto do Jordão, para ser batizado por ele.
14 – Mas João o impedia, dizendo: Eu é que preciso ser batizado por ti, e tu vens a mim?
15 – Jesus, porém, lhe respondeu: Consente agora; porque assim nos convém cumprir toda a justiça. Então ele consentiu.
16 – Batizado que foi Jesus, saiu logo da água; e eis que se lhe abriram os céus, e viu o Espírito Santo de Deus descendo como uma pomba e vindo sobre ele;
17 – e eis que uma voz dos céus dizia: Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo.

Capítulo 4

1 – Então foi conduzido Jesus pelo Espírito ao deserto, para ser tentado pelo Diabo.
2 – E, tendo jejuado quarenta dias e quarenta noites, depois teve fome.
3 – Chegando, então, o tentador, disse-lhe: Se tu és Filho de Deus manda que estas pedras se tornem em pães.
4 – Mas Jesus lhe respondeu: Está escrito: Nem só de pão viverá o homem, mas de toda palavra que sai da boca de Deus.
5 – Então o Diabo o levou à cidade santa, colocou-o sobre o pináculo do templo,
6 – e disse-lhe: Se tu és Filho de Deus, lança-te daqui abaixo; porque está escrito: Aos seus anjos dará ordens a teu respeito; e: eles te susterão nas mãos, para que nunca tropeces em alguma pedra.
7 – Replicou-lhe Jesus: Também está escrito: Não tentarás o Senhor teu Deus.
8 – Novamente o Diabo o levou a um monte muito alto; e mostrou-lhe todos os reinos do mundo, e a glória deles;
9 – e disse-lhe: Tudo isto te darei, se, prostrado, me adorares.
10 – Então ordenou-lhe Jesus: Vai-te, Satanás; porque está escrito: Ao Senhor teu Deus adorarás, e só a ele servirás.
11 – Então o Diabo o deixou; e eis que vieram os anjos e o serviram.
12 – Ora, ouvindo Jesus que João fora entregue, retirou-se para a Galiléia;
13 – e, deixando Nazaré, foi habitar em Cafarnaum, cidade marítima, nos confins de Zabulom e Naftali;
14 – para que se cumprisse o que fora dito pelo profeta Isaías:
15 – A terra de Zabulom e a terra de Naftali, o caminho do mar, além do Jordão, a Galiléia dos gentios,
16 – o povo que estava sentado em trevas viu uma grande luz; sim, aos que estavam sentados na região da sombra da morte, a estes a luz raiou.
17 – Desde então começou Jesus a pregar, e a dizer: Arrependei-vos, porque é chegado o reino dos céus.
18 – E Jesus, andando ao longo do mar da Galiléia, viu dois irmãos-Simão, chamado Pedro, e seu irmão André, os quais lançavam a rede ao mar, porque eram pescadores.
19 – Disse-lhes: Vinde após mim, e eu vos farei pescadores de homens.
20 – Eles, pois, deixando imediatamente as redes, o seguiram.
21 – E, passando mais adiante, viu outros dois irmãos-Tiago, filho de Zebedeu, e seu irmão João, no barco com seu pai Zebedeu, consertando as redes; e os chamou.
22 – Estes, deixando imediatamente o barco e seu pai, seguiram-no.
23 – E percorria Jesus toda a Galiléia, ensinando nas sinagogas, pregando o evangelho do reino, e curando todas as doenças e enfermidades entre o povo.
24 – Assim a sua fama correu por toda a Síria; e trouxeram-lhe todos os que padeciam, acometidos de várias doenças e tormentos, os endemoninhados, os lunáticos, e os paralíticos; e ele os curou.
25 – De sorte que o seguiam grandes multidões da Galiléia, de Decápolis, de Jerusalém, da Judéia, e dalém do Jordão.

– Pergunta sobre o Ano Bíblico.:

Quantos livros compõem o Novo Testamento?
Resposta: 27

– Curiosidades Bíblicas.:

Qual a frase que será gravada nos apetrechos dos cavalos no dia do Senhor?
Resposta: Santo ao Senhor. Zacarias 14:20.

Fonte: http://www.ellenwhitebooks.com/biblia.asp?lista=1&livro=38&capitulo=14

– Versos Bíblicos.:

Volta-te, Senhor, livra a minha alma; salva-me por tua misericórdia. Salmos 6:4

Fonte: http://www.ellenwhitebooks.com/biblia.asp?lista=1&livro=19&capitulo=6&verso=4

– Ano Bíblico (Espanhol).:

Libro de Mateus

Capítulo 1

1 – Libro de la Genealogía de Jesucristo, hijo de David, hijo de Abraham.
2 – Abraham Engendró a Isaac; Isaac Engendró a Jacob; Jacob Engendró a Judá y a sus hermanos;
3 – Judá Engendró de Tamar a Fares y a Zéraj; Fares Engendró a Hesrón; Hesrón Engendró a Aram;
4 – Aram Engendró a Aminadab; Aminadab Engendró a Najsón; Najsón Engendró a Salmón;
5 – Salmón Engendró de Rajab a Boaz; Boaz Engendró de Rut a Obed; Obed Engendró a Isaí;
6 – Isaí Engendró al rey David. David Engendró a Salomón, de la que fue mujer de Urías;
7 – Salomón Engendró a Roboam; Roboam Engendró a Abías; Abías Engendró a Asa;
8 – Asa Engendró a Josafat; Josafat Engendró a Joram; Joram Engendró a Uzías;
9 – Uzías Engendró a Jotam; Jotam Engendró a Acaz; Acaz Engendró a Ezequías;
10 – Ezequías Engendró a Manasés; Manasés Engendró a Amón; Amón Engendró a Josías;
11 – Josías Engendró a Jeconías y a sus hermanos en el tiempo de la Deportación a Babilonia.
12 – Después de la Deportación a Babilonia, Jeconías Engendró a Salatiel; Salatiel Engendró a Zorobabel;
13 – Zorobabel Engendró a Abiud; Abiud Engendró a Eliaquim; Eliaquim Engendró a Azor;
14 – Azor Engendró a Sadoc; Sadoc Engendró a Aquim; Aquim Engendró a Eliud;
15 – Eliud Engendró a Eleazar; Eleazar Engendró a Matán; Matán Engendró a Jacob.
16 – Jacob Engendró a José, marido de María, de la cual Nació Jesús, llamado el Cristo.
17 – De manera que todas las generaciones desde Abraham hasta David son catorce generaciones, y desde David hasta la Deportación a Babilonia son catorce generaciones, y desde la Deportación a Babilonia hasta el Cristo son catorce generaciones.
18 – El nacimiento de Jesucristo fue Así: Su madre María estaba desposada con José; y antes de que se unieran, se Halló que ella Había concebido del Espíritu Santo.
19 – José, su marido, como era justo y no Quería difamarla, se propuso dejarla secretamente.
20 – Mientras él pensaba en esto, he Aquí un ángel del Señor se le Apareció en sueños y le dijo: “José, hijo de David, no temas recibir a María tu mujer, porque lo que ha sido engendrado en ella es del Espíritu Santo.
21 – Ella Dará a luz un hijo; y Llamarás su nombre Jesús, porque él Salvará a su pueblo de sus pecados.”
22 – Todo esto Aconteció para que se cumpliese lo que Habló el Señor por medio del profeta, diciendo:
23 – He Aquí, la virgen Concebirá y Dará a luz un hijo, y Llamarán su nombre Emanuel, que traducido quiere decir: Dios con nosotros.
24 – Cuando José Despertó del sueño, hizo como el ángel del Señor le Había mandado, y Recibió a su mujer.
25 – Pero no la Conoció hasta que ella dio a luz un hijo, y Llamó su nombre Jesús.

Capítulo 2

1 – Jesús Nació en Belén de Judea, en Días del rey Herodes. Y he Aquí unos magos vinieron del oriente a Jerusalén,
2 – preguntando: –¿Dónde Está el rey de los Judíos, que ha nacido? Porque hemos visto su estrella en el oriente y hemos venido para adorarle.
3 – Cuando el rey Herodes Oyó esto, se Turbó, y toda Jerusalén con él.
4 – Y habiendo convocado a todos los principales sacerdotes y a los escribas del pueblo, les Preguntó Dónde Había de nacer el Cristo.
5 – Ellos le dijeron: –En Belén de Judea, porque Así Está escrito por el profeta:
6 – Y Tú, Belén, en la tierra de Judá, de ninguna manera eres la Más pequeña entre los gobernadores de Judá; porque de ti Saldrá un gobernante que Pastoreará a mi pueblo Israel.
7 – Entonces Herodes Llamó en secreto a los magos e Indagó de ellos el tiempo de la Aparición de la estrella.
8 – Y Enviándolos a Belén, les dijo: –Id y averiguad con cuidado acerca del niño. Tan pronto le halléis, hacédmelo saber, para que yo también vaya y le adore.
9 – Ellos, después de Oír al rey, se fueron. Y he Aquí la estrella que Habían visto en el oriente iba delante de ellos, hasta que Llegó y se detuvo sobre donde estaba el niño.
10 – Al ver la estrella, se regocijaron con gran Alegría.
11 – Cuando entraron en la casa, vieron al niño con María su madre, y Postrándose le adoraron. Entonces abrieron sus tesoros y le ofrecieron presentes de oro, incienso y mirra.
12 – Pero advertidos por Revelación en sueños que no volviesen a Herodes, regresaron a su País por otro camino.
13 – Después que ellos partieron, he Aquí un ángel del Señor Apareció en sueños a José, diciendo: “Levántate; toma al niño y a su madre, y huye a Egipto. Quédate Allá hasta que yo te diga, porque Herodes va a buscar al niño para matarlo.”
14 – Entonces José se Levantó, Tomó de noche al niño y a su madre, y se fue a Egipto.
15 – Y estuvo Allí hasta la muerte de Herodes, para que se cumpliese lo que Habló el Señor por medio del profeta, diciendo: De Egipto llamé a mi hijo.
16 – Entonces Herodes, al verse burlado por los magos, se Enojó sobremanera y Mandó matar a todos los niños varones en Belén y en todos sus alrededores, de dos años de edad para abajo, conforme al tiempo que Había averiguado de los magos.
17 – Entonces se Cumplió lo dicho por medio del profeta Jeremías, diciendo:
18 – Voz fue Oída en Ramá; grande llanto y Lamentación. Raquel lloraba por sus hijos, y no Quería ser consolada, porque perecieron.
19 – Cuando Había muerto Herodes, he Aquí un ángel del Señor Apareció en sueños a José en Egipto,
20 – diciendo: “Levántate, toma al niño y a su madre, y vé a la tierra de Israel, porque han muerto los que procuraban quitar la vida al niño.”
21 – Entonces él se Levantó, Tomó al niño y a su madre, y Entró en la tierra de Israel.
22 – Pero, al Oír que Arquelao reinaba en Judea en lugar de su padre Herodes, tuvo miedo de ir Allá; y advertido por Revelación en sueños, fue a las regiones de Galilea.
23 – Habiendo llegado, Habitó en la ciudad que se llama Nazaret. Así se Cumplió lo dicho por medio de los profetas, que Había de ser llamado nazareno.

Capítulo 3

1 – En aquellos Días Apareció Juan el Bautista predicando en el desierto de Judea
2 – y diciendo: “Arrepentíos, porque el reino de los cielos se ha acercado.”
3 – Pues éste es aquel de quien fue dicho por medio del profeta Isaías: Voz del que proclama en el desierto: “Preparad el camino del Señor; enderezad sus sendas.”
4 – Juan mismo estaba vestido de pelo de camello y con un cinto de cuero a la cintura. Su comida era langostas y miel silvestre.
5 – Entonces Salían a él Jerusalén y toda Judea y toda la Región del Jordán,
6 – y confesando sus pecados eran bautizados por él en el Río Jordán.
7 – Pero cuando Juan vio que muchos de los fariseos y de los saduceos Venían a su bautismo, les Decía: “¡Generación de Víboras! ¿Quién os Enseñó a huir de la ira venidera?
8 – Producid, pues, frutos dignos de arrepentimiento;
9 – y no penséis decir dentro de vosotros: “A Abraham tenemos por padre.” Porque yo os digo que aun de estas piedras Dios puede levantar hijos a Abraham.
10 – El hacha ya Está puesta a la Raíz de los árboles. Por tanto, todo árbol que no da buen fruto es cortado y echado al fuego.
11 – Yo, a la verdad, os bautizo en agua para arrepentimiento; pero el que viene después de Mí, cuyo calzado no soy digno de llevar, es Más poderoso que yo. El os Bautizará en el Espíritu Santo y fuego.
12 – Su aventador Está en su mano, y Limpiará su era. Recogerá su trigo en el granero y Quemará la paja en el fuego que nunca se Apagará.”
13 – Entonces Jesús vino de Galilea al Jordán, a Juan, para ser bautizado por él.
14 – Pero Juan procuraba Impedírselo diciendo: –Yo necesito ser bautizado por ti, ¿y Tú vienes a Mí?
15 – Pero Jesús le Respondió: –Permítelo por ahora, porque Así nos conviene cumplir toda justicia. Entonces se lo Permitió.
16 – Y cuando Jesús fue bautizado, en seguida Subió del agua, y he Aquí los cielos le fueron abiertos, y vio al Espíritu de Dios que Descendía como paloma y Venía sobre él.
17 – Y he Aquí, una voz de los cielos Decía: “Este es mi Hijo amado, en quien tengo complacencia.”

Capítulo 4

1 – Entonces Jesús fue llevado por el Espíritu al desierto, para ser tentado por el diablo.
2 – Y después de haber ayunado cuarenta Días y cuarenta noches, tuvo hambre.
3 – El tentador se Acercó y le dijo: –Si eres Hijo de Dios, di que estas piedras se conviertan en pan.
4 – Pero él Respondió y dijo: –Escrito Está: No Sólo de pan Vivirá el hombre, sino de toda palabra que sale de la boca de Dios.
5 – Entonces el diablo le Llevó a la santa ciudad, le puso de pie sobre el Pináculo del templo,
6 – y le dijo: –Si eres Hijo de Dios, échate abajo, porque escrito Está: A sus ángeles Mandará acerca de ti, y en sus manos te Llevarán, de modo que nunca tropieces con tu pie en piedra.
7 – Jesús le dijo: –Además Está escrito: No Pondrás a prueba al Señor tu Dios.
8 – Otra vez el diablo le Llevó a un monte muy alto, y le Mostró todos los reinos del mundo y su gloria.
9 – Y le dijo: –Todo esto te daré, si postrado me adoras.
10 – Entonces Jesús le dijo: –Vete, Satanás, porque escrito Está: Al Señor tu Dios Adorarás y a él solo Servirás.
11 – Entonces el diablo le Dejó, y he Aquí, los ángeles vinieron y le Servían.
12 – Y cuando Jesús Oyó que Juan Había sido encarcelado, Regresó a Galilea.
13 – Y habiendo dejado Nazaret, fue y Habitó en Capernaúm, ciudad junto al mar en la Región de Zabulón y Neftalí,
14 – para que se cumpliese lo dicho por medio del profeta Isaías, diciendo:
15 – Tierra de Zabulón y tierra de Neftalí, camino del mar, al otro lado del Jordán, Galilea de los gentiles.
16 – El pueblo que moraba en tinieblas vio una gran luz. A los que moraban en Región y sombra de muerte, la luz les Amaneció.
17 – Desde entonces Jesús Comenzó a predicar y a decir: “¡Arrepentíos, porque el reino de los cielos se ha acercado!”
18 – Mientras andaba junto al mar de Galilea, Jesús vio a dos hermanos: a Simón, que es llamado Pedro, y a su hermano Andrés. Estaban echando una red en el mar, porque eran pescadores.
19 – Y les dijo: “Venid en pos de Mí, y os haré pescadores de hombres.”
20 – Y de inmediato ellos dejaron sus redes y le siguieron.
21 – Y pasando Más adelante, vio a otros dos hermanos, Jacobo hijo de Zebedeo y Juan su hermano, en la barca con su padre Zebedeo, arreglando sus redes. Los Llamó,
22 – y en seguida ellos dejaron la barca y a su padre, y le siguieron.
23 – Jesús Recorría toda Galilea enseñando en las sinagogas de ellos, predicando el evangelio del reino y sanando toda enfermedad y toda dolencia en el pueblo.
24 – Su fama Corrió por toda Siria, y le trajeron todos los que Tenían males: los que Padecían diversas enfermedades y dolores, los endemoniados, los Lunáticos y los Paralíticos. Y él los Sanó.
25 – Le siguieron grandes multitudes de Galilea, de Decápolis, de Jerusalén, de Judea y del otro lado del Jordán.

– Ano Bíblico (Inglês).:

Book of Mateus

Chapter 1

1 – The book of the generations of Jesus Christ, the son of David, the son of Abraham.
2 – The son of Abraham was Isaac; and the son of Isaac was Jacob; and the sons of Jacob were Judah and his brothers;
3 – And the sons of Judah were Perez and Zerah by Tamar; and the son of Perez was Hezron; and the son of Hezron was Ram;
4 – And the son of Ram was Amminadab; and the son of Amminadab was Nahshon; and the son of Nahshon was Salmon;
5 – And the son of Salmon by Rahab was Boaz; and the son of Boaz by Ruth was Obed; and the son of Obed was Jesse;
6 – And the son of Jesse was David the king; and the son of David was Solomon by her who had been the wife of Uriah;
7 – And the son of Solomon was Rehoboam; and the son of Rehoboam was Abijah; and the son of Abijah was Asa;
8 – And the son of Asa was Jehoshaphat; and the son of Jehoshaphat was Joram; and the son of Joram was Uzziah;
9 – And the son of Uzziah was Jotham; and the son of Jotham was Ahaz; and the son of Ahaz was Hezekiah;
10 – And the son of Hezekiah was Manasseh; and the son of Manasseh was Amon; and the son of Amon was Josiah;
11 – And the sons of Josiah were Jechoniah and his brothers, at the time of the taking away to Babylon.
12 – And after the taking away to Babylon, Jechoniah had a son Shealtiel; and Shealtiel had Zerubbabel;
13 – And Zerubbabel had Abiud; and Abiud had Eliakim; and Eliakim had Azor;
14 – And Azor had Zadok; and Zadok had Achim; and Achim had Eliud;
15 – And Eliud had Eleazar; and Eleazar had Matthan; and Matthan had Jacob;
16 – And the son of Jacob was Joseph the husband of Mary, who gave birth to Jesus, whose name is Christ.
17 – So all the generations from Abraham to David are fourteen generations; and from David to the taking away to Babylon, fourteen generations; and from the taking away to Babylon to the coming of Christ, fourteen generations.
18 – Now the birth of Jesus Christ was in this way: when his mother Mary was going to be married to Joseph, before they came together the discovery was made that she was with child by the Holy Spirit.
19 – And Joseph, her husband, being an upright man, and not desiring to make her a public example, had a mind to put her away privately.
20 – But when he was giving thought to these things, an angel of the Lord came to him in a dream, saying, Joseph, son of David, have no fear of taking Mary as your wife; because that which is in her body is of the Holy Spirit.
21 – And she will give birth to a son; and you will give him the name Jesus; for he will give his people salvation from their sins.
22 – Now all this took place so that the word of the Lord by the prophet might come true,
23 – See, the virgin will be with child, and will give birth to a son, and they will give him the name Immanuel, that is, God with us.
24 – And Joseph did as the angel of the Lord had said to him, and took her as his wife;
25 – And he had no connection with her till she had given birth to a son; and he gave him the name Jesus.

Chapter 2

1 – Now when the birth of Jesus took place in Beth-lehem of Judaea, in the days of Herod the king, there came wise men from the east to Jerusalem,
2 – Saying, Where is the King of the Jews whose birth has now taken place? We have seen his star in the east and have come to give him worship.
3 – And when it came to the ears of Herod the king, he was troubled, and all Jerusalem with him.
4 – And he got together all the chief priests and scribes of the people, questioning them as to where the birth-place of the Christ would be.
5 – And they said to him, In Beth-lehem of Judaea; for so it is said in the writings of the prophet,
6 – You Beth-lehem, in the land of Judah, are not the least among the chiefs of Judah: out of you will come a ruler, who will be the keeper of my people Israel.
7 – Then Herod sent for the wise men privately, and put questions to them about what time the star had been seen.
8 – And he sent them to Beth-lehem and said, Go and make certain where the young child is; and when you have seen him, let me have news of it, so that I may come and give him worship.
9 – And after hearing the king, they went on their way; and the star which they saw in the east went before them, till it came to rest over the place where the young child was.
10 – And when they saw the star they were full of joy.
11 – And they came into the house, and saw the young child with Mary, his mother; and falling down on their faces they gave him worship; and from their store they gave him offerings of gold, perfume, and spices.
12 – And it was made clear to them by God in a dream that they were not to go back to Herod; so they went into their country by another way.
13 – And when they had gone, an angel of the Lord came to Joseph in a dream, saying, Get up and take the young child and his mother, and go into Egypt, and do not go from there till I give you word; for Herod will be searching for the young child to put him to death.
14 – So he took the young child and his mother by night, and went into Egypt;
15 – And was there till the death of Herod; so that the word of the Lord through the prophet might come true, Out of Egypt have I sent for my son.
16 – Then Herod, when he saw that he had been tricked by the wise men, was very angry; and he sent out, and put to death all the male children in Beth-lehem and in all the parts round about it, from two years old and under, acting on the knowledge which he had got with care from the wise men.
17 – Then the word of Jeremiah the prophet came true,
18 – In Ramah there was a sound of weeping and great sorrow, Rachel weeping for her children, and she would not be comforted for their loss.
19 – But when Herod was dead, an angel of the Lord came in a dream to Joseph in Egypt,
20 – Saying, Get up and take the young child and his mother, and go into the land of Israel: because they who were attempting to take the young child´s life are dead.
21 – And he got up, and took the young child and his mother, and came into the land of Israel.
22 – But when it came to his ears that Archelaus was ruling over Judaea in the place of his father Herod, he was in fear of going there; and God having given him news of the danger in a dream, he went out of the way into the country parts of Galilee.
23 – And he came and was living in a town named Nazareth: so that the word of the prophets might come true, He will be named a Nazarene.

Chapter 3

1 – And in those days John the Baptist came preaching in the waste land of Judaea,
2 – Saying, Let your hearts be turned from sin; for the kingdom of heaven is near.
3 – For this is he of whom Isaiah the prophet said, The voice of one crying in the waste land, Make ready the way of the Lord, make his roads straight.
4 – Now John was clothed in camel´s hair, with a leather band about him; and his food was locusts and honey.
5 – Then Jerusalem and all Judaea went out to him, and all the people from near Jordan;
6 – And they were given baptism by him in the river Jordan, saying openly that they had done wrong.
7 – But when he saw a number of the Pharisees and Sadducees coming to his baptism, he said to them, Offspring of snakes, at whose word are you going in flight from the wrath to come?
8 – Let your change of heart be seen in your works:
9 – And say not to yourselves, We have Abraham for our father; because I say to you that God is able from these stones to make children for Abraham.
10 – And even now the axe is put to the root of the trees; every tree then which does not give good fruit is cut down, and put into the fire.
11 – Truly, I give baptism with water to those of you whose hearts are changed; but he who comes after me is greater than I, whose shoes I am not good enough to take up: he will give you baptism with the Holy Spirit and with fire:
12 – In whose hand is the instrument with which he will make clean his grain; he will put the good grain in his store, but the waste will be burned up in the fire which will never be put out.
13 – Then Jesus came from Galilee to John at the Jordan, to be given baptism by him.
14 – But John would have kept him back, saying, It is I who have need of baptism from you, and do you come to me?
15 – But Jesus made answer, saying to him, Let it be so now: because so it is right for us to make righteousness complete. Then he gave him baptism.
16 – And Jesus, having been given baptism, straight away went up from the water; and, the heavens opening, he saw the Spirit of God coming down on him as a dove;
17 – And a voice came out of heaven, saying, This is my dearly loved Son, with whom I am well pleased.

Chapter 4

1 – Then Jesus was sent by the Spirit into the waste land to be tested by the Evil One.
2 – And after going without food for forty days and forty nights, he was in need of it.
3 – And the Evil One came and said to him, If you are the Son of God, give the word for these stones to become bread.
4 – But he made answer and said, It is in the Writings, Bread is not man´s only need, but every word which comes out of the mouth of God.
5 – Then the Evil One took him to the holy town; and he put him on the highest point of the Temple and said to him,
6 – If you are the Son of God, let yourself go down; for it is in the Writings, He will give his angels care over you; and, In their hands they will keep you up, so that your foot may not be crushed against a stone.
7 – Jesus said to him, Again it is in the Writings, You may not put the Lord your God to the test.
8 – Again, the Evil One took him up to a very high mountain, and let him see all the kingdoms of the world and the glory of them;
9 – And he said to him, All these things will I give you, if you will go down on your face and give me worship.
10 – Then said Jesus to him, Away, Satan: for it is in the Writings, Give worship to the Lord your God and be his servant only.
11 – Then the Evil One went away from him, and angels came and took care of him.
12 – Now when it came to his ears that John had been put in prison, he went away to Galilee;
13 – And going away from Nazareth, he came and made his living-place in Capernaum, which is by the sea, in the country of Zebulun and Naphtali:
14 – So that the word of the prophet Isaiah might come true,
15 – The land of Zebulun and the land of Naphtali, by the way of the sea, the other side of Jordan, Galilee of the Gentiles,
16 – The people who were in the dark saw a great light, and to those in the land of the shade of death did the dawn come up.
17 – From that time Jesus went about preaching and saying, Let your hearts be turned from sin, for the kingdom of heaven is near.
18 – And when he was walking by the sea of Galilee, he saw two brothers, Simon, whose other name was Peter, and Andrew, his brother, who were putting a net into the sea; for they were fishermen.
19 – And he said to them, Come after me, and I will make you fishers of men.
20 – And straight away they let go the nets and went after him.
21 – And going on from there he saw two other brothers, James, the son of Zebedee, and John, his brother, in the boat with their father, stitching up their nets; and he said, Come.
22 – And they went straight from the boat and their father and came after him.
23 – And Jesus went about in all Galilee, teaching in their Synagogues and preaching the good news of the kingdom, and making well those who were ill with any disease among the people.
24 – And news of him went out through all Syria; and they took to him all who were ill with different diseases and pains, those having evil spirits and those who were off their heads, and those who had no power of moving. And he made them well.
25 – And there went after him great numbers from Galilee and Decapolis and Jerusalem and Judaea and from the other side of Jordan.

Na graça de nosso Senhor Jesus,

Daniel Gavin
Diretor Geral – Ellen White Books
http://www.ellenwhite.com.br/
http://www.ellenwhitebooks.com/
http://www.ellenwhite.es/
http://www.ellenwhitebooks.es/

– Meditação Matinal de EGW (Português).:

O Sábado no Além

“Porque, como os novos céus e a nova Terra, que hei de fazer, estarão diante de Mim, diz o Senhor, assim há de estar a vossa posteridade e o vosso nome. E será que de uma Lua nova à outra, e de um sábado a outro, virá toda a carne a adorar perante Mim, diz o Senhor”. Isa. 66:22 e 23.
No principio, o Pai e o Filho repousaram no sábado após Sua obra de criação. Quando “os Céus, e a Terra e todo o seu exército foram acabados” (Gên. 2.1), o Criador e todos os seres celestiais se regozijaram na contemplação da gloriosa cena. “As estrelas da alva juntas alegremente cantavam, e todos os filhos de Deus rejubilavam”. Jó 38:7. … Quando se der a “restauração de todas as coisas, as quais Deus falou por boca dos Seus santos profetas, desde o princípio do mundo” (Atos 3:21), o sábado da criação, o dia em que Jesus esteve em repouso no sepulcro de José, será ainda um dia de descanso e regozijo. O Céu e a Terra se unirão em louvor, quando, “desde um sábado até ao outro” (Isa. 66:23), as nações dos salvos se inclinarem em jubiloso culto a Deus e ao Cordeiro. – DN, 573.
As nações dos salvos não conhecerão outra lei que não a do Céu. Serão todos uma família unida e feliz, vestidos com vestes de louvor e gratidão. Sobrepujando a cena cantarão as estrelas da manhã juntamente, e os filhos de Deus jubilarão. …
“E será que desde uma Lua nova até a outra, e desde um sábado até o outro, virá toda a carne a adorar perante Mim, diz o Senhor”. “A glória do Senhor se manifestará, e toda a carne juntamente verá”. “O Senhor fará brotar a justiça e o louvor para todas as nações”. “Naquele dia o Senhor dos Exércitos será por coroa, e por grinalda formosa, para o restante do Seu povo”. – PR, 732 e 733.
Enquanto “céus e Terra durarem, continuará o sábado como sinal do poder do Criador. E quando o Éden florescer novamente na Terra, o santo e divino dia de repouso será honrado por todos debaixo do Sol. “Desde um sábado até ao outro”, os habitantes da glorificada nova Terra irão “adorar perante Mim, diz o Senhor”. S. Mat. 5:18; Isa. 66:23. – DN, 206.
Ano Bíblico: Apoc. 20-22. Juvenis: Apoc. 20.

Fonte: http://www.ellenwhitebooks.com/?l=100&p=369

– Meditação Matinal de EGW (Espanhol).:

EL SÁBADO EN EL MÁS ALLÁ

Porque como los cielos nuevos y la nueva tierra que yo hago permanecerán delante de mí, dice Jehová, así permanecerá vuestra descendencia y vuestro nombre. Y de mes en mes, y de día de reposo en día de reposo [sábado], vendrán todos a adorar delante de mí, dijo Jehová. (Isa. 66: 22, 23).
Al principio, el Padre y el Hijo habían descansado el sábado después de su obra de creación. Cuando “fueron acabados los cielos y la tierra, y todo su ornamento” (Gén. 2: 1), el Creador y todos los seres celestiales se regocijaron en la contemplación de la gloriosa escena. “Las estrellas todas del alba alababan, y se regocijaban todos los hijos de Dios” (Job 38: 7). . . Cuando se produzca “la restauración de todas las cosas, de la cual habló Dios por boca de sus santos profetas, que ha habido desde la antigüedad”, el sábado de la creación, el día en que Cristo descansó en la tumba de José, será todavía un día de reposo y regocijo. El cielo y la tierra se unirán en alabanza mientras que “de día de reposo en día de reposo [sábado]”, las naciones de los salvos adorarán con gozo a Dios y al Cordero.*
Las naciones de los salvos no conocerán otra ley que la del cielo. Todos constituirán una familia feliz y unida, ataviada con las vestiduras de alabanza y agradecimiento. Al presenciar la escena, las estrellas de la mañana cantarán juntas, y los hijos de Dios clamarán de gozo. . .
“Y de mes en mes, y de día de reposo en día de reposo [sábado], vendrán todos a adorar delante de mí, dijo Jehová”. “Y se manifestará la gloria de Jehová, y toda carne juntamente la verá”. “Jehová el Señor hará brotar justicia y alabanza delante de todas las naciones”. “En aquel día Jehová de los ejércitos será por corona de gloria y diadema de hermosura al remanente de su pueblo” (Isa 66: 23; 40: 5; 61: 11; 28: 5).*
Mientras duren los cielos y la tierra, el sábado continuará siendo una señal del poder del Creador. Cuando el Edén vuelva a florecer en la tierra, el santo día de reposo de Dios será honrado por todos los que moren debajo del sol. “De día de reposo en día de reposo [sábado]”, los habitantes de la tierra renovada y glorificada, subirán “a adorar delante de mí, dijo Jehová” *

Fonte: http://www.ellenwhitebooks.com/?l=101&p=369

– Meditação Matinal de EGW (Inglês).:

December 29 – The Sabbath in the Hereafter

For as the new heavens and the new earth, which I will make, shall remain before me, saith the Lord, so shall your seed and your name remain. And it shall come to pass, that from one new moon to another, and from one sabbath to another, shall all flesh come to worship before me, saith the Lord. Isa. 66: 22, 23.
In the beginning the Father and the Son had rested upon the Sabbath after Their work of creation. When “the heavens and the earth were finished, and all the host of them” (Gen. 2:1), the Creator and all heavenly beings rejoiced in contemplation of the glorious scene. “The morning stars sang together, and all the sons of God shouted for joy.” Job 38:7. . . . When there shall be a “restitution of all things, which God hath spoken by the mouth of all his holy prophets since the world began” (Acts 3:21), the creation Sabbath, the day on which Jesus lay at rest in Joseph”s tomb, will still be a day of rest and rejoicing. Heaven and earth will unite in praise, as “from one sabbath to another” (Isa. 66:23) the nations of the saved shall bow in joyful worship to God and the Lamb. {Mar 371.1}
The nations of the saved will know no other law than the law of heaven. All will be a happy, united family, clothed with the garments of praise and thanksgiving. Over the scene the morning stars will sing together, and the sons of God will shout for joy. . . . {Mar 371.2}
“And it shall come to pass, that from one new moon to another, and from one sabbath to another, shall all flesh come to worship before me, saith the Lord.” The glory of the Lord shall be revealed, and all flesh shall see it together.” “The Lord God will cause righteousness and praise to spring forth before all the nations.” “In that day shall the Lord of hosts be for a crown of glory, and for a diadem of beauty, unto the residue of his people.” {Mar 371.3}
So long as the heavens and the earth endure, the Sabbath will continue as a sign of the Creator”s power. And when Eden shall bloom on earth again, God”s holy rest day will be honoured by all beneath the sun. “From one sabbath to another” the inhabitants of the glorified new earth shall go up “to worship before me, saith the Lord.” Isa. 66:23. {Mar 371.4}

Fonte: http://www.ellenwhitebooks.com/?l=129&p=369

Na graça de nosso Senhor Jesus,

Daniel Gavin
Diretor Geral – Ellen White Books
http://www.ellenwhite.com.br/
http://www.ellenwhitebooks.com/
http://www.ellenwhite.es/
http://www.ellenwhitebooks.es/

– Mensagens para Evangelistas.:

É para a honra de Cristo que Ele torna Seus ministros, mediante a operação de Seu Espírito, uma bênção maior para a igreja, do que o são as estrelas para o mundo. O Salvador tem de ser a eficiência deles. Se olham para Ele como Ele o fazia para Seu Pai, hão de fazer Suas obras. Ao dependerem de Deus, Ele lhes dará Sua luz para que a reflitam para o mundo. Obreiros Evangélicos, pág. 14.

Fonte: http://www.ellenwhitebooks.com/?l=49&p=14

– Mensagens para Jovens.:

Jovens amigos, o temor do Senhor está à própria base de todo progresso; é ele o princípio da sabedoria. Vosso Pai celestial tem direitos sobre vós; pois sem solicitação ou mérito de vossa parte Ele vos cumulou com as bênçãos de Sua providência; e, mais que isso, deu-vos todo o Céu em um dom – o de Seu amado Filho. Em retribuição a esse infinito dom, Ele requer de vós obediência voluntária. Visto que sois comprados por preço, sendo esse o precioso sangue do Filho de Deus, Ele requer que façais uso correto dos privilégios que desfrutais. Vossas faculdades intelectuais e morais são dons divinos, talentos a vós confiados para sábio desenvolvimento, e não tendes a liberdade de deixá-los improdutivos por falta do devido cultivo, ou a serem danificados ou apoucados pela inação. Compete-vos determinar se as pesadas responsabilidades que sobre vós repousam serão fielmente atendidas ou não, se vossos esforços serão ou não bem-dirigidos, e da melhor maneira que puderdes. Mensagens aos J
ovens, pág. 39.

Fonte: http://www.ellenwhitebooks.com/?l=6&p=39

– Mensagens para Namorados.:

Se tu, meu irmão, és tentado a unir o interesse de toda a tua vida a uma menina jovem e inexperiente, a quem falta mesmo a educação nos deveres práticos e comuns da vida, cometes um erro; mas tal falta é pequena em comparação com sua ignorância acerca de seu dever para com Deus. Mensagens aos Jovens, pág. 437.

Fonte: http://www.ellenwhitebooks.com/?l=6&p=437

– Mensagens para Pais.:

Os pais e professores que se gabam de ter completo domínio sobre a mente e a vontade das crianças sob seu cuidado, deixariam de gabar-se, caso pudessem acompanhar a vida futura das crianças que são assim postas em sujeição pela força ou o temor. Essas crianças acham-se quase de todo mal preparadas para partilhar das sérias responsabilidades da vida. Quando esses jovens não mais se encontram sob a direção de pais e mestres e se vêem forçados a pensar e agir por si mesmos, é quase certo tomarem uma direção errônea, e cederem ao poder da tentação. Não tornam esta vida um êxito, e as mesmas deficiências se manifestam em sua vida religiosa. Conselhos aos Pais, Professores e Estudantes, pág. 75.

Fonte: http://www.ellenwhitebooks.com/?l=37&p=75

– Mensagens sobre Escola Sabatina.:

Há, na Escola Sabatina, um vasto campo que precisa ser diligentemente cultivado, a saber, inspirar nossa juventude a entregar-se inteiramente ao Senhor, para ser por Ele usada em Sua causa. Deve haver, em nossas Escolas Sabatinas, zelosos e fiéis obreiros que, discernindo sobre quem o Espírito Santo está operando, vigiem e cooperem com os anjos de Deus na conquista de pessoas para Cristo. Há sagradas responsabilidades confiadas aos obreiros da Escola Sabatina, e esta deve ser o lugar em que, por meio de viva comunhão com Deus, homens e mulheres, jovens e crianças sejam preparados para ser uma força e bênção à igreja. Tanto quanto sua capacidade o permitir, devem ir de força em força, ajudando a igreja a avançar para cima e para a frente. Testimonies on Sabbath School Work, pág. 92 e Conselhos Sobre a Escola Sabatina, pág. 11.

Fonte: http://www.ellenwhitebooks.com/?l=15&p=11

– Mensagens sobre Saúde.:

Muitos condescendem com o pernicioso hábito de comer justamente antes de dormir. Podem ter tomado três refeições regulares; contudo, por ter uma sensação de desfalecimento, como se estivessem com fome, tomam um lanche, ou quarta refeição. Tendo condescendido com esta prática errada, tornou-se ela um hábito, e eles têm a impressão de não poderem dormir sem tomar um lanche justamente antes de se recolherem. Em muitos casos, a causa desse desfalecimento é terem sido os órgãos digestivos por demais sobrecarregados através do dia, para cuidar de alimento inadequado forçado sobre o estômago com demasiada freqüência, e em quantidades excessivas. Os órgãos digestivos assim sobrecarregados tornam-se cansados, e carecem de um período de completo repouso do trabalho para recuperar suas exauridas energias. Nunca se deve tomar uma segunda refeição sem que o estômago tenha tido tempo para descansar do trabalho de digerir a refeição precedente. Caso seja tomada uma terceira refeição, deve e
la ser leve, e várias horas antes de ir para a cama. Conselhos Sobre o Regime Alimentar, pág. 174.

Fonte: http://www.ellenwhitebooks.com/?l=17&p=174

Na graça de nosso Senhor Jesus,

Daniel Gavin
Diretor Geral – Ellen White Books
http://www.ellenwhite.com.br/
http://www.ellenwhitebooks.com/
http://www.ellenwhite.es/
http://www.ellenwhitebooks.es/

– Ano Bíblico (Português).:

Livro de Apocalipse

Capítulo 20

1 – E vi descer do céu um anjo, que tinha a chave do abismo e uma grande cadeia na sua mão.
2 – Ele prendeu o dragão, a antiga serpente, que é o Diabo e Satanás, e o amarrou por mil anos.
3 – Lançou-o no abismo, o qual fechou e selou sobre ele, para que não enganasse mais as nações até que os mil anos se completassem. Depois disto é necessário que ele seja solto por um pouco de tempo.
4 – Então vi uns tronos; e aos que se assentaram sobre eles foi dado o poder de julgar; e vi as almas daqueles que foram degolados por causa do testemunho de Jesus e da palavra de Deus, e que não adoraram a besta nem a sua imagem, e não receberam o sinal na fronte nem nas mãos; e reviveram, e reinaram com Cristo durante mil anos.
5 – Mas os outros mortos não reviveram, até que os mil anos se completassem. Esta é a primeira ressurreição.
6 – Bem-aventurado e santo é aquele que tem parte na primeira ressurreição; sobre estes não tem poder a segunda morte; mas serão sacerdotes de Deus e de Cristo, e reinarão com ele durante os mil anos.
7 – Ora, quando se completarem os mil anos, Satanás será solto da sua prisão,
8 – e sairá a enganar as nações que estão nos quatro cantos da terra, Gogue e Magogue, cujo número é como a areia do mar, a fim de ajuntá-las para a batalha.
9 – E subiram sobre a largura da terra, e cercaram o arraial dos santos e a cidade querida; mas desceu fogo do céu, e os devorou;
10 – e o Diabo, que os enganava, foi lançado no lago de fogo e enxofre, onde estão a besta e o falso profeta; e de dia e de noite serão atormentados pelos séculos dos séculos.
11 – E vi um grande trono branco e o que estava assentado sobre ele, de cuja presença fugiram a terra e o céu; e não foi achado lugar para eles.
12 – E vi os mortos, grandes e pequenos, em pé diante do trono; e abriram-se uns livros; e abriu-se outro livro, que é o da vida; e os mortos foram julgados pelas coisas que estavam escritas nos livros, segundo as suas obras.
13 – O mar entregou os mortos que nele havia; e a morte e o além entregaram os mortos que neles havia; e foram julgados, cada um segundo as suas obras.
14 – E a morte e o inferno foram lançados no lago de fogo. Esta é a segunda morte, o lago de fogo.
15 – E todo aquele que não foi achado inscrito no livro da vida, foi lançado no lago de fogo.

Capítulo 21

1 – E vi um novo céu e uma nova terra. Porque já se foram o primeiro céu e a primeira terra, e o mar já não existe.
2 – E vi a santa cidade, a nova Jerusalém, que descia do céu da parte de Deus, adereçada como uma noiva ataviada para o seu noivo.
3 – E ouvi uma grande voz, vinda do trono, que dizia: Eis que o tabernáculo de Deus está com os homens, pois com eles habitará, e eles serão o seu povo, e Deus mesmo estará com eles.
4 – Ele enxugará de seus olhos toda lágrima; e não haverá mais morte, nem haverá mais pranto, nem lamento, nem dor; porque já as primeiras coisas são passadas.
5 – E o que estava assentado sobre o trono disse: Eis que faço novas todas as coisas. E acrescentou: Escreve; porque estas palavras são fiéis e verdadeiras.
6 – Disse-me ainda: está cumprido: Eu sou o Alfa e o Ômega, o princípio e o fim. A quem tiver sede, de graça lhe darei a beber da fonte da água da vida.
7 – Aquele que vencer herdará estas coisas; e eu serei seu Deus, e ele será meu filho.
8 – Mas, quanto aos medrosos, e aos incrédulos, e aos abomináveis, e aos homicidas, e aos adúlteros, e aos feiticeiros, e aos idólatras, e a todos os mentirosos, a sua parte será no lago ardente de fogo e enxofre, que é a segunda morte.
9 – E veio um dos sete anjos que tinham as sete taças cheias das sete últimas pragas, e falou comigo, dizendo: Vem, mostrar-te-ei a noiva, a esposa do Cordeiro.
10 – E levou-me em espírito a um grande e alto monte, e mostrou-me a santa cidade de Jerusalém, que descia do céu da parte de Deus,
11 – tendo a glória de Deus; e o seu brilho era semelhante a uma pedra preciosíssima, como se fosse jaspe cristalino;
12 – e tinha um grande e alto muro com doze portas, e nas portas doze anjos, e nomes escritos sobre elas, que são os nomes das doze tribos dos filhos de Israel.
13 – Ao oriente havia três portas, ao norte três portas, ao sul três portas, e ao ocidente três portas.
14 – O muro da cidade tinha doze fundamentos, e neles estavam os nomes dos doze apóstolos do Cordeiro.
15 – E aquele que falava comigo tinha por medida uma cana de ouro, para medir a cidade, as suas portas e o seu muro.
16 – A cidade era quadrangular; e o seu comprimento era igual à sua largura. E mediu a cidade com a cana e tinha ela doze mil estádios; e o seu cumprimento, largura e altura eram iguais.
17 – Também mediu o seu muro, e era de cento e quarenta e quatro côvados, segundo a medida de homem, isto é, de anjo.
18 – O muro era construído de jaspe, e a cidade era de ouro puro, semelhante a vidro límpido.
19 – Os fundamentos do muro da cidade estavam adornados de toda espécie de pedras preciosas. O primeiro fundamento era de jaspe; o segundo, de safira; o terceiro, de calcedônia; o quarto, de esmeralda;
20 – o quinto, de sardônica; o sexto, de sárdio; o sétimo, de crisólito; o oitavo, de berilo; o nono, de topázio; o décimo, de crisópraso; o undécimo, de jacinto; o duodécimo, de ametista.
21 – As doze portas eram doze pérolas: cada uma das portas era de uma só pérola; e a praça da cidade era de ouro puro, transparente como vidro.
22 – Nela não vi santuário, porque o seu santuário é o Senhor Deus Todo-Poderoso, e o Cordeiro.
23 – A cidade não necessita nem do sol, nem da lua, para que nela resplandeçam, porém a glória de Deus a tem alumiado, e o Cordeiro é a sua lâmpada.
24 – As nações andarão à sua luz; e os reis da terra trarão para ela a sua glória.
25 – As suas portas não se fecharão de dia, e noite ali não haverá;
26 – e a ela trarão a glória e a honra das nações.
27 – E não entrará nela coisa alguma impura, nem o que pratica abominação ou mentira; mas somente os que estão inscritos no livro da vida do Cordeiro.

Capítulo 22

1 – E mostrou-me o rio da água da vida, claro como cristal, que procedia do trono de Deus e do Cordeiro.
2 – No meio da sua praça, e de ambos os lados do rio, estava a árvore da vida, que produz doze frutos, dando seu fruto de mês em mês; e as folhas da árvore são para a cura das nações.
3 – Ali não haverá jamais maldição. Nela estará o trono de Deus e do Cordeiro, e os seus servos o servirão,
4 – e verão a sua face; e nas suas frontes estará o seu nome.
5 – E ali não haverá mais noite, e não necessitarão de luz de lâmpada nem de luz do sol, porque o Senhor Deus os alumiará; e reinarão pelos séculos dos séculos.
6 – E disse-me: Estas palavras são fiéis e verdadeiras; e o Senhor, o Deus dos espíritos dos profetas, enviou o seu anjo, para mostrar aos seus servos as coisas que em breve hão de acontecer.
7 – Eis que cedo venho! Bem-aventurado aquele que guarda as palavras da profecia deste livro.
8 – Eu, João, sou o que ouvi e vi estas coisas. E quando as ouvi e vi, prostrei-me aos pés do anjo que mas mostrava, para o adorar.
9 – Mas ele me disse: Olha, não faças tal; porque eu sou conservo teu e de teus irmãos, os profetas, e dos que guardam as palavras deste livro. Adora a Deus.
10 – Disse-me ainda: Não seles as palavras da profecia deste livro; porque próximo está o tempo.
11 – Quem é injusto, faça injustiça ainda: e quem está sujo, suje-se ainda; e quem é justo, faça justiça ainda; e quem é santo, santifique-se ainda.
12 – Eis que cedo venho e está comigo a minha recompensa, para retribuir a cada um segundo a sua obra.
13 – Eu sou o Alfa e o Ômega, o primeiro e o derradeiro, o princípio e o fim.
14 – Bem-aventurados aqueles que lavam as suas vestes [no sangue do Cordeiro] para que tenham direito à arvore da vida, e possam entrar na cidade pelas portas.
15 – Ficarão de fora os cães, os feiticeiros, os adúlteros, os homicidas, os idólatras, e todo o que ama e pratica a mentira.
16 – Eu, Jesus, enviei o meu anjo para vos testificar estas coisas a favor das igrejas. Eu sou a raiz e a geração de Davi, a resplandecente estrela da manhã.
17 – E o Espírito e a noiva dizem: Vem. E quem ouve, diga: Vem. E quem tem sede, venha; e quem quiser, receba de graça a água da vida.
18 – Eu testifico a todo aquele que ouvir as palavras da profecia deste livro: Se alguém lhes acrescentar alguma coisa, Deus lhe acrescentará as pragas que estão escritas neste livro;
19 – e se alguém tirar qualquer coisa das palavras do livro desta profecia, Deus lhe tirará a sua parte da árvore da vida, e da cidade santa, que estão descritas neste livro.
20 – Aquele que testifica estas coisas diz: Certamente cedo venho. Amém; vem, Senhor Jesus.
21 – A graça do Senhor Jesus seja com todos.

– Pergunta sobre o Ano Bíblico.:

Durante quantos anos os salvos de todos os tempos reinarão com Cristo nos céus?
Resposta: Mil anos (Apocalipse 20:6)

– Curiosidades Bíblicas.:

Onde se lê que os sacerdotes ensinavam por interesse e os profetas adivinhavam por dinheiro?
Resposta: Miquéias 3:11.

Fonte: http://www.ellenwhitebooks.com/biblia.asp?lista=1&livro=33&capitulo=3

– Versos Bíblicos.:

Tem compaixão de mim, Senhor, porque sou fraco; sara-me, Senhor, porque os meus ossos estão perturbados. Salmos 6:2

Fonte: http://www.ellenwhitebooks.com/biblia.asp?lista=1&livro=19&capitulo=6&verso=2

– Ano Bíblico (Espanhol).:

Libro de Apocalipse

Capítulo 20

1 – Vi a un ángel que Descendía del cielo y que Tenía en su mano la llave del abismo y una gran cadena.
2 – El Prendió al Dragón, aquella serpiente antigua quien es el diablo y Satanás, y le Ató por mil años.
3 – Lo Arrojó al abismo y lo Cerró, y lo Selló sobre él para que no engañase Más a las naciones, hasta que se cumpliesen los mil años. Después de esto, es necesario que sea desatado por un poco de tiempo.
4 – Y vi tronos; y se sentaron sobre ellos, y se les Concedió hacer juicio. Y vi las almas de los degollados por causa del testimonio de Jesús y por la palabra de Dios. Ellos no Habían adorado a la bestia ni a su imagen, ni tampoco recibieron su marca en sus frentes ni en sus manos. Ellos volvieron a vivir y reinaron con Cristo por mil años.
5 – Pero los Demás muertos no volvieron a vivir, sino hasta que se cumplieran los mil años. Esta es la primera Resurrección.
6 – Bienaventurado y santo el que tiene parte en la primera Resurrección. Sobre éstos la segunda muerte no tiene Ningún poder; sino que Serán sacerdotes de Dios y de Cristo, y Reinarán con él por los mil años.
7 – Cuando se cumplan los mil años, Satanás Será soltado de su Prisión
8 – y Saldrá para engañar a las naciones que Están sobre los cuatro puntos cardinales de la tierra, a Gog y a Magog, a fin de congregarlos para la batalla. El Número de ellos es como la arena del mar.
9 – Y subieron sobre lo ancho de la tierra y rodearon el campamento de los santos y la ciudad amada, y Descendió fuego del cielo y los Devoró.
10 – Y el diablo que los engañaba fue lanzado al lago de fuego y azufre, donde también Están la bestia y el falso profeta, y Serán atormentados Día y noche por los siglos de los siglos.
11 – Vi un gran trono blanco y al que estaba sentado sobre él, de cuya presencia huyeron la tierra y el cielo, y Ningún lugar fue hallado para ellos.
12 – Vi también a los muertos, grandes y pequeños, que estaban de pie delante del trono, y los libros fueron abiertos. Y otro libro fue abierto, que es el libro de la vida. Y los muertos fueron juzgados a base de las cosas escritas en los libros, de acuerdo a sus obras.
13 – Y el mar Entregó los muertos que estaban en él, y la Muerte y el Hades entregaron los muertos que estaban en ellos; y fueron juzgados, cada uno Según sus obras.
14 – Y la Muerte y el Hades fueron lanzados al lago de fuego. Esta es la muerte segunda, el lago de fuego.
15 – Y el que no fue hallado inscrito en el libro de la vida fue lanzado al lago de fuego.

Capítulo 21

1 – Vi un cielo nuevo y una tierra nueva; porque el primer cielo y la primera tierra pasaron, y el mar ya no existe Más.
2 – Y yo vi la santa ciudad, la nueva Jerusalén que Descendía del cielo de parte de Dios, preparada como una novia adornada para su esposo.
3 – Oí una gran voz que Procedía del trono diciendo: “He Aquí el Tabernáculo de Dios Está con los hombres, y él Habitará con ellos; y ellos Serán su pueblo, y Dios mismo Estará con ellos como su Dios.
4 – Y Dios Enjugará toda Lágrima de los ojos de ellos. No Habrá Más muerte, ni Habrá Más llanto, ni clamor, ni dolor; porque las primeras cosas ya pasaron.”
5 – El que estaba sentado en el trono dijo: “He Aquí yo hago nuevas todas las cosas.” Y dijo: “Escribe, porque estas palabras son fieles y verdaderas.”
6 – Me dijo también: “¡Está hecho! Yo soy el Alfa y la Omega, el principio y el fin. Al que tenga sed, yo le daré gratuitamente de la fuente de agua de vida.
7 – El que venza Heredará estas cosas; y yo seré su Dios, y él Será mi hijo.
8 – Pero, para los cobardes e incrédulos, para los abominables y homicidas, para los fornicarios y hechiceros, para los Idólatras y todos los mentirosos, su herencia Será el lago que arde con fuego y azufre, que es la muerte segunda.”
9 – Vino uno de los siete ángeles que Tenían las siete copas llenas de las siete últimas plagas, y Habló conmigo diciendo: “Ven Acá. Yo te mostraré la novia, la esposa del Cordero.”
10 – Me Llevó en el Espíritu sobre un monte grande y alto, y me Mostró la santa ciudad de Jerusalén, que Descendía del cielo de parte de Dios.
11 – Tenía la gloria de Dios, y su resplandor era semejante a la piedra Más preciosa, como piedra de jaspe, resplandeciente como cristal.
12 – Tenía un muro grande y alto. Tenía doce puertas, y a las puertas Había doce ángeles, y nombres inscritos que son los nombres de las doce tribus de los hijos de Israel.
13 – Tres puertas daban al este, tres puertas al norte, tres puertas al sur y tres puertas al oeste.
14 – El muro de la ciudad Tenía doce fundamentos, y sobre ellos los doce nombres de los Apóstoles del Cordero.
15 – El que hablaba conmigo Tenía una caña de medir, de oro, para medir la ciudad, sus puertas y su muro.
16 – La ciudad Está dispuesta en forma cuadrangular. Su largo es igual a su ancho. El Midió la ciudad con la caña, y Tenía 12.000 estadios. El largo, el ancho y el alto son iguales.
17 – Midió su muro, 144 codos Según medida de hombre, que es la del ángel.
18 – El material del muro era jaspe, y la ciudad era de oro puro semejante al vidrio limpio.
19 – Los cimientos del muro de la ciudad estaban adornados con toda piedra preciosa. El primer cimiento era de jaspe, el segundo de zafiro, el tercero de ágata, el cuarto de esmeralda,
20 – el quinto de ónice, el sexto de cornalina, el séptimo de Crisólito, el octavo de berilo, el noveno de topacio, el décimo de crisoprasa, el undécimo de jacinto, el duodécimo de amatista.
21 – Las doce puertas eran doce perlas; cada puerta fue hecha de una sola perla. La plaza era de oro puro como vidrio transparente.
22 – No vi en ella templo, porque el Señor Dios Todopoderoso, y el Cordero, es el templo de ella.
23 – La ciudad no tiene necesidad de sol ni de luna, para que resplandezcan en ella; porque la gloria de Dios la ilumina, y el Cordero es su Lámpara.
24 – Las naciones Andarán a la luz de ella, y los reyes de la tierra llevan a ella su gloria.
25 – Sus puertas nunca Serán cerradas de Día, pues Allí no Habrá noche.
26 – Y Llevarán a ella la gloria y la honra de las naciones.
27 – Jamás Entrará en ella cosa impura o que hace Abominación y mentira, sino solamente los que Están inscritos en el libro de la vida del Cordero.

Capítulo 22

1 – Después me Mostró un Río de agua de vida, resplandeciente como cristal, que fluye del trono de Dios y del Cordero.
2 – En medio de la avenida de la ciudad, y a uno y otro lado del Río, Está el árbol de la vida, que produce doce frutos, dando cada mes su fruto. Las hojas del árbol son para la sanidad de las naciones.
3 – Ya no Habrá Más Maldición. Y el trono de Dios y del Cordero Estará en ella, y sus siervos le Rendirán culto.
4 – Verán su rostro, y su nombre Estará en sus frentes.
5 – No Habrá Más noche, ni tienen necesidad de luz de Lámpara, ni de luz del sol; porque el Señor Dios Alumbrará sobre ellos, y Reinarán por los siglos de los siglos.
6 – Me dijo Además: “Estas palabras son fieles y verdaderas. Y el Señor, el Dios de los Espíritus de los profetas, ha enviado su ángel para mostrar a sus siervos las cosas que tienen que suceder pronto.
7 – ¡He Aquí vengo pronto! Bienaventurado el que guarda las palabras de la Profecía de este libro.”
8 – Yo, Juan, soy el que he Oído y visto estas cosas. Cuando las Oí y las vi, me postré para adorar ante los pies del ángel que me las mostraba.
9 – Y él me dijo: “¡Mira, no lo hagas! Pues yo soy consiervo tuyo y de tus hermanos los profetas y de los que guardan las palabras de este libro. ¡Adora a Dios!”
10 – Y me dijo: “No selles las palabras de la Profecía de este libro, porque el tiempo Está cerca.
11 – El que es injusto, haga injusticia Todavía. El que es impuro, sea impuro Todavía. El que es justo, haga justicia Todavía, y el que es santo, Santifíquese Todavía.
12 – He Aquí vengo pronto, y mi recompensa conmigo, para pagar a cada uno Según sean sus obras.
13 – Yo soy el Alfa y la Omega, el primero y el último, el principio y el fin.”
14 – Bienaventurados los que lavan sus vestiduras, para que tengan derecho al árbol de la vida y para que entren en la ciudad por las puertas.
15 – Pero afuera Quedarán los perros, los hechiceros, los fornicarios, los homicidas, los Idólatras y todo el que ama y practica la mentira.
16 – “Yo, Jesús, he enviado a mi ángel para daros testimonio de estas cosas para las iglesias. Yo soy la Raíz y el linaje de David, la estrella resplandeciente de la mañana.”
17 – El Espíritu y la esposa dicen: “¡Ven!” El que oye diga: “¡Ven!” El que tiene sed, venga. El que quiere, tome del agua de vida gratuitamente.
18 – Yo advierto a todo el que oye las palabras de la Profecía de este libro: Si alguno añade a estas cosas, Dios le Añadirá las plagas que Están escritas en este libro;
19 – y si alguno quita de las palabras del libro de esta Profecía, Dios le Quitará su parte del árbol de la vida y de la santa ciudad, de los cuales se ha escrito en este libro.
20 – El que da testimonio de estas cosas dice: “¡Sí, vengo pronto!” ¡Amén! ¡Ven, Señor Jesús!
21 – La gracia de nuestro Señor Jesús sea con todos.

– Ano Bíblico (Inglês).:

Book of Apocalipse

Chapter 20

1 – And I saw an angel coming down out of heaven, having the key of the great deep and a great chain in his hand.
2 – And he took the dragon, the old snake, which is the Evil One and Satan, and put chains on him for a thousand years,
3 – And put him into the great deep, and it was shut and locked over him, so that he might put the nations in error no longer, till the thousand years were ended: after this he will be let loose for a little time.
4 – And I saw high seats, and they were seated on them, and the right of judging was given to them: and I saw the souls of those who were put to death for the witness of Jesus, and for the word of God, and those who did not give worship to the beast, or to his image, and had not his mark on their brows or on their hands; and they were living and ruling with Christ a thousand years.
5 – The rest of the dead did not come to life again till the thousand years were ended. This is the first coming back from the dead.
6 – Happy and holy is he who has a part in this first coming: over these the second death has no authority, but they will be priests of God and of Christ, and will be ruling with him a thousand years.
7 – And when the thousand years are ended, Satan will be let loose out of his prison,
8 – And will go out to put in error the nations which are in the four quarters of the earth, Gog and Magog, to get them together to the war, the number of whom is like the sands of the sea.
9 – And they went up over the face of the earth, and made a circle about the tents of the saints, and the well loved town: and fire came down out of heaven for their destruction.
10 – And the Evil One who put them in error was sent down into the sea of ever-burning fire, where the beast and the false prophet are, and their punishment will go on day and night for ever and ever.
11 – And I saw a great white seat, and him who was seated on it, before whose face the earth and the heaven went in flight; and there was no place for them.
12 – And I saw the dead, great and small, taking their places before the high seat; and the books were open, and another book was open, which is the book of life; and the dead were judged by the things which were in the books, even by their works.
13 – And the sea gave up the dead which were in it; and death and Hell gave up the dead which were in them; and they were judged every man by his works.
14 – And death and Hell were put into the sea of fire. This is the second death, even the sea of fire.
15 – And if anyone´s name was not in the book of life, he went down into the sea of fire.

Chapter 21

1 – And I saw a new heaven and a new earth: for the first heaven and the first earth were gone; and there was no more sea.
2 – And I saw the holy town, new Jerusalem, coming down out of heaven from God, like a bride made beautiful for her husband.
3 – And there came to my ears a great voice out of the high seat, saying, See, the Tent of God is with men, and he will make his living-place with them, and they will be his people, and God himself will be with them, and be their God.
4 – And he will put an end to all their weeping; and there will be no more death, or sorrow, or crying, or pain; for the first things have come to an end.
5 – And he who is seated on the high seat said, See, I make all things new. And he said, Put it in the book; for these words are certain and true.
6 – And he said to me, It is done. I am the First and the Last, the start and the end. I will freely give of the fountain of the water of life to him who is in need.
7 – He who overcomes will have these things for his heritage; and I will be his God, and he will be my son.
8 – But those who are full of fear and without faith, the unclean and takers of life, those who do the sins of the flesh, and those who make use of evil powers or who give worship to images, and all those who are false, will have their part in the sea of ever-burning fire which is the second death.
9 – And one of the seven angels who had the seven vessels in which were the seven last punishments, came and said to me, Come here, and see the bride, the Lamb´s wife.
10 – And he took me away in the Spirit to a great and high mountain, and let me see the holy town Jerusalem, coming down out of heaven from God,
11 – Having the glory of God: and her light was like a stone of great price, a jasper stone, clear as glass:
12 – She had a wall great and high, with twelve doors, and at the doors twelve angels; and names on them, which are the names of the twelve tribes of the children of Israel.
13 – And on the east were three doors; and on the north three doors; and on the south three doors; and on the west three doors.
14 – And the wall of the town had twelve bases, and on them the twelve names of the twelve Apostles of the Lamb.
15 – And he who was talking with me had a gold measuring-rod to take the measure of the town, and of its doors, and its wall.
16 – And the town is square, as wide as it is long; and he took the measure of the town with the rod, one thousand and five hundred miles: it is equally long and wide and high.
17 – And he took the measure of its wall, one hundred and forty-four cubits, after the measure of a man, that is, of an angel.
18 – And the building of its wall was of jasper, and the town was clear gold, clear as glass.
19 – The bases of the wall of the town had ornaments of all sorts of beautiful stones. The first base was jasper; the second, sapphire; the third, chalcedony; the fourth, emerald;
20 – The fifth, sardonyx; the sixth, sardius; the seventh, chrysolite; the eighth, beryl; the ninth, topaz; the tenth, chrysoprase; the eleventh, jacinth; the twelfth, amethyst.
21 – And the twelve doors were twelve pearls; every door was made of one pearl; and the street of the town was clear gold, as clear as glass.
22 – And I saw no Temple there; because the Lord God, the Ruler of all, and the Lamb are its Temple.
23 – And the town has no need of the sun, or of the moon, to give it light: for the glory of God did make it light, and the light of it is the Lamb.
24 – And the nations will go in its light: and the kings of the earth will take their glory into it.
25 – And the doors of it will never be shut by day (for there is no night there):
26 – And the glory and honour of the nations will come into it:
27 – And nothing unclean may come into it, or anyone whose works are cursed or false; but only those whose names are in the Lamb´s book of life.

Chapter 22

1 – And I saw a river of water of life, clear as glass, coming out of the high seat of God and of the Lamb,
2 – In the middle of its street. And on this side of the river and on that was the tree of life, having twelve sorts of fruits, giving its fruit every month; and the leaves of the tree give life to the nations.
3 – And there will be no more curse: and the high seat of God and of the Lamb will be there; and his servants will be worshipping him;
4 – And they will see his face; and his name will be on their brows.
5 – And there will be no more night; and they have no need of a light or of the shining of the sun; for the Lord God will give them light: and they will be ruling for ever and ever.
6 – And he said to me, These words are certain and true: and the Lord, the God of the spirits of the prophets, sent his angel to make clear to his servants the things which are now to come about.
7 – See, I come quickly. A blessing on him who keeps the words of this book of the prophet.
8 – And I, John, am he who saw these things and to whose ears they came. And when I had seen and given ear, I went down on my face to give worship at the feet of the angel who made these things clear to me.
9 – And he said to me, See you do it not; I am a brother-servant with you and with your brothers the prophets, and with those who keep the words of this book: give worship to God.
10 – And he said to me, Let not the words of this prophet´s book be kept secret, because the time is near.
11 – Let the evil man go on in his evil: and let the unclean be still unclean: and let the upright go on in his righteousness: and let the holy be holy still.
12 – See, I come quickly; and my reward is with me, to give to every man the outcome of his works.
13 – I am the First and the Last, the start and the end.
14 – A blessing on those whose robes are washed, so that they may have a right to the tree of life, and may go in by the doors into the town.
15 – Outside are the dogs, and those who make use of evil powers, those who make themselves unclean, and the takers of life, and those who give worship to images, and everyone whose delight is in what is false.
16 – I, Jesus, have sent my angel to give witness to you of these things in the churches. I am the root and the offspring of David, the bright and morning star.
17 – And the Spirit and the bride say, Come. And let him who gives ear, say, Come. And let him who is in need come; and let everyone desiring it take of the water of life freely.
18 – For I say to every man to whose ears have come the words of this prophet´s book, If any man makes an addition to them, God will put on him the punishments which are in this book:
19 – And if any man takes away from the words of this book, God will take away from him his part in the tree of life and the holy town, even the things which are in this book.
20 – He who gives witness to these things says, Truly, I come quickly. Even so come, Lord Jesus.
21 – The grace of the Lord Jesus be with the saints. So be it.

Na graça de nosso Senhor Jesus,

Daniel Gavin
Diretor Geral – Ellen White Books
http://www.ellenwhite.com.br/
http://www.ellenwhitebooks.com/
http://www.ellenwhite.es/
http://www.ellenwhitebooks.es/

Esse post foi publicado em Não categorizado. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s