Novidades – Reavivamento e Reforma

 

Novidades – Reavivamento e Reforma


Na direção de Deus

Posted: 21 Nov 2011 05:01 AM PST

Minha esposa, Madalena Barbosa e  eu tivemos o privilégio no ano 1993 assumir a Lancha Luzeiro XXI de Nova Olinda do Norte a Apuí no Amazonas. Eram 32 congregações, morávamos na própria lancha. O irmão Jetro era o comandante da embarcação, prestávamos 500 atendimentos assistenciais por mês, fora as visitas pastorais. Sempre estávamos recebendo grupos missionários na área de saúde vindo da América que nos auxiliavam no atendimento aos ribeirinhos. Quando, porém eles retornavam tínhamos que assumir esses atendimentos distribuindo gratuitamente remédios e palestras de saúde preventiva através de uma cartilha produzida pelo Hospital Adventista de Manaus.

 

Entre muitos milagres deste ministério do ensino, da cura e da pregação, queremos destacar uma Campal Distrital, na igreja Camutá as margens do rio Uruazinho com o tema: “Igreja em Chamas”. Tiveram muitas conversões pela operação direta do Espírito Santo. No sábado à tarde o Jetro teve que dar a ré na Lancha, ela não atendeu ao comando e o Jetro me procurou para mostrar que havia um deslocamento do rolamento que impulsionava a lancha para traz. Imediatamente tivemos a ideia de colar o rolamento com a cola Super Bonder, esperamos um pouco pra secar, tudo isto, para dar espaço para o batismo no sábado a tarde, mais não adiantou. Tivemos que pegar outro barco e rebocar deixando-a em posição de seguir em frente, pois não podia dar ré.
Tinha que atender outras igrejas próximas de onde estávamos para aproveitar a viajem e voltar à sede do Distrito em Nova Olinda do Norte a fim de buscar em Manaus outra peça pra substituir a que já estava estragada. Ao chegar, no domingo pela manhã, depois de uma noite de viagem, ancoramos a lancha no porto e planejamos uma semana de oração enquanto aguardávamos a peça chegar.

No sábado ao fazermos o apelo para o batismo, 23 pessoas estavam prontas, e pudemos notar que duas jovens choravam copiosamente, a mãe nos falou que elas desejavam ser batizadas, mas o pai disse que as cortaria de facão juntamente com o pastor. Então reunimos a comissão da igreja e tomamos a decisão de colocar essa preocupação nas mãos de Deus, perguntei a elas se estavam dispostas a morrer comigo por amor a sua salvação. A mãe perguntou: “Pastor o senhor tem coragem de batizar as minhas filhas? Pois outros pastores não o fizeram temendo ameaça do meu esposo.” E eu falei que em Nome do Senhor Jesus, elas seriam batizadas selando a sua vida pra sempre com Cristo.

O Batismo ocorreu normalmente, todos estavam assustados, mas confiantes na presença dos anjos e podemos ver 25 pessoas saindo das águas do Rio Madeira seladas para vida eterna.

Mais tarde, quando voltei àquela cidade perguntei a nossa irmã se ele ficou sabendo do batismo das filhas e ela prontamente respondeu: “Pastor numa noite quando estávamos sentamos numa cadeira de balanço falei pra ele que as meninas de 17 e 18 anos tinham sido batizadas e ele respondeu: O que eu posso fazer? Elas já foram batizadas mesmo.”

Quando recebemos a peça no final daquela semana fomos trocá-la e por incrível que pareça ela não precisou ser trocada e até sairmos do Distrito não foi preciso ser trocada.

——
Elias Luiz Barbosa é pastor adventista na região amazônia ocidental.

Postagens relacionados:

  1. Deus e a escravidão Um erro grave cometido por muitos cristãos atuais é ler…

FONTE: http://reavivamentoereforma.com/

Esse post foi publicado em Não categorizado. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s