Os Pregoeiros de Paz

– Meditação Matinal de EGW (Português).:

Os Pregoeiros de Paz


“Vinde, dizem eles, trarei vinho, e nos encharcaremos de bebida forte; o dia de amanhã será como este, e ainda maior e mais famoso”. Isa. 56:12.
O mau servo diz em seu coração: “O meu Senhor tarde virá”. Não diz que Cristo não virá. Não zomba da idéia de Sua segunda vinda. Mas, em seu coração e por suas ações e palavras declara que a vinda do Senhor demora. Afasta da mente dos outros a convicção de que o Senhor presto virá. Sua influência leva os homens a uma presunçosa, negligente de- mora. São confirmados em sua mundanidade e torpor. Paixões terrestres, pensamentos corruptos tomam posse da mente. O mau servo come e bebe com os temulentos, une-se com o mundo na busca do prazer. Espanca seus conservas, acusando e condenando aqueles que são fiéis a seu Mestre.
O advento de Cristo surpreenderá os falsos mestres. Eles estão dizendo: “Paz e segurança”. Como os sacerdotes e mestres antes da queda de Jerusalém, assim esperam eles que a igreja goze de prosperidade e glória terrenas. Os sinais dos tempos, eles interpretam como prognóstico dessas coisas. Mas, que diz a Palavra inspirada? – “Então lhes sobrevirá repentina destruição”. …
Os homens estão dilatando a vinda do Senhor. Riem das advertências. Ouve-se a soberba jactância: “Todas as coisas continuam como desde o princípio da criação”. “O dia de amanhã será como este, e ainda maior e mais famoso”. II S. Ped. 3:4; Isa. 56:12. Aprofundar-nos-emos no amor do prazer. Mas Cristo diz: “Eis que venho como ladrão”. Apoc. 16:15. Ao mesmo tempo que o mundo está perguntando zombeteiramente: “Onde está a promessa da Sua vinda?” estão-se cumprindo os sinais. Enquanto eles gritam: “Paz e segurança”, aproxima-se repentina destruição. Quando o escarnece- dor, o rejeitador da verdade, se tem tornado presunçoso; quando a rotina do trabalho nos vários ramos de ganhar dinheiro é prosseguida sem consideração para com os princípios; quando o estudante está ansiosamente buscando o conhecimento de tudo menos a Bíblia, Cristo vem como ladrão. – A Fé Pela Qual Eu Vivo, p. 342.
Ano Bíblico- II Crôn. 21-23. – Juvenis: Esd. 4.

Fonte: http://www.ellenwhitebooks.com/?l=100&p=142

– Meditação Matinal de EGW (Espanhol).:

LOS QUE CLAMAN “¡PAZ!”

Venid, dicen, tomemos vino, embriaguémonos de sidra; y será el día de mañana como éste, o mucho más excelente. (Isa. 56: 12).
El mal siervo dice en su corazón: “Mi señor tarda en venir” (Mat. 24: 48). No dice que Cristo no vendrá. No se burla de la idea de la segunda venida. Pero en su corazón y por sus acciones y palabras, declara que la venida de su Señor tarda. Destierra del ánimo ajeno la convicción de que el Señor va a venir prestamente. Su influencia induce a los hombres a una demora presuntuosa y negligente. Los confirma en su mundanalidad y estupor. Las pasiones terrenales y los pensamientos corruptos se posesionan de su mente. El mal siervo come y bebe con los borrachos, y se une con el mundo en la búsqueda de placeres. Hiere a sus consiervos acusando y condenando a los que son fieles a su Maestro. . .
El advenimiento de Cristo sorprenderá a los falsos maestros. Están diciendo: “Paz y seguridad”. Como los sacerdotes y doctores antes de la caída de Jerusalén, esperan que la iglesia disfrute de prosperidad terrenal y gloria. Interpretan las señales de los tiempos como indicios de esto. Pero ¿qué dice la Palabra inspirada? “Vendrá sobre ellos destrucción repentina” (1 Tes. 5: 3). . .
Los hombres están postergando la venida del Señor. Se burlan de las amonestaciones. Orgullosamente se jactan diciendo: “Todas las cosas permanecen así como desde el principio” (2 Ped. 3: 4). “Será el día de mañana como éste, o mucho más excelente” (Isa. 56: 12). Nos hundiremos aun más en el amor a los deleites. Pero Cristo dice: “He aquí, yo vengo como ladrón” (Apoc. 16:15). En el mismo tiempo en que el mundo pregunta con desprecio: “¿Dónde está la promesa de su advenimiento?” se están cumpliendo las señales. (2 Ped. 3: 4.) Mientras claman: “Paz y seguridad”, se acerca la destrucción repentina. (1 Tes. 5: 3.) Cuando el escarnecedor, el que rechaza la verdad, se ha vuelto presuntuoso; cuando la rutina del trabajo en las diversas formas de ganar dinero se lleva a cabo sin consideración a los principios; cuando los estudiantes procuran ávidamente conocerlo todo menos la Biblia, Cristo viene como ladrón.*

Fonte: http://www.ellenwhitebooks.com/?l=101&p=142

– Meditação Matinal de EGW (Inglês).:

May 16 – The Criers of Peace

Come ye, say they, I will fetch wine, and we will fill ourselves with strong drink; and tomorrow shall be as this day, and much more abundant. Isa. 56:12.
The evil servant says in his heart, “My lord delayeth his coming.” He does not say that Christ will not come. He does not scoff at the idea of His second coming. But in his heart and by his actions and words he declares that the Lord”s coming is delayed. He banishes from the minds of others the conviction that the Lord is coming quickly. His influence leads men to presumptuous, careless delay. They are confirmed in their worldliness and stupor. Earthly passions, corrupt thoughts, take possession of the mind. The evil servant eats and drinks with the drunken, unites with the world in pleasure seeking. He smites his fellow servants, accusing and condemning those who are faithful to their Master. . . . {Mar 144.1}
The advent of Christ will surprise the false teachers. They are saying, “Peace and safety.” Like the priests and teachers before the fall of Jerusalem, they look for the church to enjoy earthly prosperity and glory. The signs of the times they interpret as foreshadowing this. But what saith the Word of Inspiration? “Sudden destruction cometh upon them.” . . . {Mar 144.2}
Men are putting afar off the coming of the Lord. They laugh at warnings. The proud boast is made, “All things continue as they were from the beginning.” “Tomorrow shall be as this day and much more abundant.” 2 Peter 3:4; Isa. 56:12. We will go deeper into pleasure loving. But Christ says, “Behold, I come as a thief.” Rev. 16:15. At the very time when the world is asking in scorn, “Where is the promise of his coming?” the signs are fulfilling. While they cry, “Peace and safety,” sudden destruction is coming. When the scorner, the rejecter of truth, has become presumptuous; when the routine of work in the various money-making lines is carried on without regard to principle; when the student is eagerly seeking knowledge of everything but his Bible, Christ comes as a thief. {Mar 144.3}

Fonte: http://www.ellenwhitebooks.com/?l=129&p=142

Na graça de nosso Senhor Jesus,

Daniel Gavin
Diretor Geral – Ellen White Books
http://www.ellenwhite.com.br/
http://www.ellenwhitebooks.com/
http://www.ellenwhite.es/
http://www.ellenwhitebooks.es/

Esse post foi publicado em Não categorizado. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s